-apocalipse:
posted at 2:42 pm on Sunday
with 465,839 notes / reblog


ano que vem
eu vou ser
na avenida
o palhaço 
que eu fui 
na sua vida.

(Source: complexodenietzsche, via poesitando)

arcanja:

sem título by dead and on Flickr.
posted at 2:42 pm on Sunday
with 15,144 notes / reblog
Meu pai não bebia, não fumava e morreu cedo. Não roubava e morreu pobre. Tirava o que tinha para dar para os outros e teve poucas pessoas para carregar seu caixão. Depois que ele morreu, nenhum parente perguntou se seu filho precisava ou não de algo. Ou seja, em vida meu pai me ensinou a ser a melhor pessoa que eu conseguir. Em morte, me ensinou a não esperar nada em troca por isso.
Danilo Gentili.   (via acrescentada)

(via acrescentada)

Vicki era uma criança, uma romântica, mas eu a amava por isso. Eu tinha tantos demônios sombrios em mim que recebia com boas-vindas a inocência de Vicki.
Charles Bukowski (via klippen)

(Source: nevarias, via classificar)

  • KCRW: I wonder if you feel more comfortable as a band in the studio or on the road and on stage.
  • Andrew: I think you're looking at us in our most comfortable element right now.
  • KCRW: Oh, I can tell.
  • Andrew: You know, when I'm waking up in the morning and I'm thinking about my oatmeal and my toast and like, you know, chia seeds these days, you know, the thing I'm thinking about most is when am I going to be able to get onstage and just be in front of a lot of people. Damn it, my sarcastic jokes [mumbles something].
  • KCRW: No, are you serious, though?
  • Andrew: I don't even know anymore.
  • Ben: Just say yes.
  • Andrew: ...no.
We actually have cats in these boxes here…completely full of cats.
Ben on MGMT’s live setup (via bequickdear)

(via ttopless)

Ay yai yai OH YOI YOI. Right? Am I right?
Andrew VanWyngarden
Coachella 2014
6,937 plays
982 notes / reblog

oxigenio-dapalavra:

Quando estás vestida,
Ninguém imagina
Os mundos que escondes
Sob as tuas roupas.

(Assim, quando é dia,
Não temos noção
Dos astros que luzem
No profundo céu.

Mas a noite é nua,
E, nua na noite,
Palpitam teus mundos
E os mundos da noite.

Brilham teus joelhos,
Brilha o teu umbigo,

(Source: estalagmite)

http://epigrafar.tumblr.com/post/84160968279/dublin-28-de-abril-tudo-o-que-eu-quero-e-a

epigrafar:

Dublin, 28 de abril.
Tudo o que eu quero é a poesia dos braços errados. O fim do eco de uma cidade monocromática e o fim dos beijos sem sentido nos sonhos de cochilos ao enterdecer. Eu já me doei ao extremo em todos os extremos do meu ser. Tudo o que eu espero é que nessa próxima ventania…

(Source: caosdoacaso)

posted at 7:01 pm on Monday
with 7,365 notes / reblog
posted at 7:01 pm on Monday
with 448,965 notes / reblog
posted at 7:01 pm on Monday
with 128,181 notes / reblog
posted at 7:01 pm on Monday
with 43,548 notes / reblog
posted at 7:01 pm on Monday
with 246,737 notes / reblog